Origem | Projetos
Projeto Viva Itambé.
 
O relevo de Marília é composto por um grande compartimento de topo (espigão divisor de águas da bacia hidrográfica do Rio do Peixe e da bacia hidrográfica do Rio Aguapeí) interligado a topos secundários de menor extensão, que acabam por delimitar seis bacias hidrográficas. O domínio das vertentes se caracteriza por separar os topos das escarpas (delimitadoras do Planalto de Marília), e tende a ficar mais acidentado, quanto mais se aproxima dos Itambés (nome popular dado as escarpas). (SANTOS, C.A.M. dos & NUNES, J.O.R., 2008).
Objetivos:
Recuperar, limpar e revitalizar o vale dos Itambés, que circundam a cidade de Marília. E impeder quaisquer atividades que, direta ou indiretamente, descaracterizem a paisagem.
 

 

+ Notícias
Origem